Seminário « (Auto)Etnografias das práticas e dos saberes profissionais » | 5ª Sessão, 28/04/2022 : Microetnografia e autoconfronto acompanhado : uma co-construção dos « saberes profissionais » (Binet & Jondeau)


Sessão 5 Microetnografia e autoconfronto acompanhado : uma co-construção dos « saberes profissionais » (Projeto CEA-CESF)
Dinamizadores Michel Binet & Claire Jondeau
Data & Horário: 5ª-feira, dia 28 de Abril 2022, 17h-19h
Local: Online
Programa:

1) Da etnografia à microetnografia : os valores acrescentados dos estudos de corpora de gravações dos agires profissionais em Análise Conversacional etnometodológica (ACE) : (1) « saberes » e « ação situada » : (re)definições teórico-metodológicas dos conceitos ; (2) A gravação como « microterreno » ;

2) Vantagens da autoetnografia na abertura de um terreno negociada de modo a autorizar e motivar a coleta de um corpus de autogravações (Corpus 1) ;

3) A Entrevista de Explicitação psicofenomenológica (EdE) : uma breve apresentação ;

4) Os dispositivos de autoconfronto nas várias correntes francesas da Análise das atividades e das práticas profissionais : algumas referências ;

5) Sessões online (gravadas : Corpus 2) de co-análise das práticas profissionais por um dispositivo de autoconfronto acompanhado, que combina finamente contribuições da ACE e da EdE. A co-construção de saberes de 2º Grau ;

6) O dispositivo de co-investigação como meio de investigação e objeto de estudo : Metodografia e mise en abyme das relações politico-metodológicas de co-produção de « saberes » ;

7) Em jeito de conclusão : A autoetnografia não como ameaça mas sim como requisito do ponto de vista microetnográfico. Dois argumentos adicionais : (1) Os julgamentos de tipicidade / atipicidade das interações gravadas formulados pelos profissionais, com base nos seus saberes experienciais ; (2) o posto de trabalho como microlaboratório experimental que constitui uma instância de validação paralela, na e pela prática, dos saberes co-construídos.
____

Para saber mais :

Desenho : David Monteiro

Michel G. J. Binet

Professeur Universitaire à l’ISSSL-ULL (Instituto Superior de Serviço Social de Lisboa – Universidade Lusíada de Lisboa) - Chercheur en Travail social - Docteur en Anthropologie - Analyste de Conversation - Membre du Conseil du GIS Hybrida-IS, Groupement d'Intérêt Scientifique en Travail social

More Posts


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.