Tânia Pinto

ICON - GEACC

Colaboradora

do Grupo de Etnometodologia e Análise Conversacional da Clusividade social | GEACC-CLISSIS

Mestranda em Serviço Social no Instituto Superior de Serviço Social de Lisboa | ISSSL – Universidade Lusíada de Lisboa

Pós-Graduação em Gestão de Serviços na saúde

Licenciada em Serviço Social

Assistente Social | CHLO – Hospital São Francisco Xavier (Portugal)


Dissertação de Mestrado | Encaminhar para uma Unidade de Cuidados Paliativos : Análise Conversacional de um acto profissional de um Assistente Social em meio hospitalar

Área científica | Serviço Social

Orientador | Michel G. J. Binet

Universidade | ISSSL-ULL

Unidade de acolhimento | CLISSIS

Resumo | O estudo, elaborado sob a orientação de Michel Binet (ISSSL-ULL), centra-se na comunicação entre assistente social e doente/família/equipa multidisciplinar no processo de referenciação do doente aos cuidados paliativos. De natureza qualitativa, o projeto tem como orientação teórica e metodológica a Análise da Conversação, assente na gravação, transcrição e análise de gravações do agir profissional. Terá como impacto a promoção de um melhor entendimento, por parte dos profissionais de Serviço Social, não só das dificuldades encontradas na abordagem feita à referenciação aos cuidados paliativos mas também das competências postas em prática.

Michel G. J. Binet

Professeur à l'ESECS-IPP (Escola Superior de Educação e Ciências Sociais do Instituto Politécnico de Portalegre) et à l’ISSSL-ULL (Instituto Superior de Serviço Social de Lisboa – Universidade Lusíada de Lisboa) - Chercheur en Travail social - Docteur en Anthropologie - Analyste de Conversation - Membre du Conseil du GIS Hybrida-IS, Groupement d'Intérêt Scientifique en Travail social

More Posts

Groupe d’Ethnométhodologie et d’Analyse Conversationnelle de la Clusivité sociale